DICAS ÚTEIS 

Separamos algumas dicas úteis para você se preparar para seu intercâmbio. Não esqueça de dar uma olhada nessas dicas antes de viajar pois elas podem te ajudar muito. 

Uma dica muito útil é, se caso houver algum problema, informar os comitês que estão auxiliando a sua experiência, antes de tomar alguma providência por conta própria. Deste modo, eles vão poder te ajudar.

Festa ao ar livre

Documentos

Tenha certeza que você tem todos os documentos que precisa, incluindo cópias deles;
 

  • Passaporte ou identidade;

  • Visto, caso seja necessário. Em relação ao visto, atente-se aos países por onde irá passar, no caso de o seu vôo ter escalas;

  • Seguro-viagem que cubra todo o período de viagem e que tenha cobertura geográfica pro país em questão;

  • Carta convite, caso seja necessário;

  • Certificado Internacional de Vacinação.

Não pode

 

esquecer

Mala

  • Roupas adequadas para o clima;

  • Tênis, chinelo, etc;

  • Coisas básicas de higiene;

  • Objetos/roupas típicas do Brasil;

  • Souvenirs, lembranças;

  • Roupas adequadas para o trabalho na ONG;

  • Faça sua própria lista de coisas para levar na viagem e revise, não esqueça nada!

Mochila

  • Documentos

  • Roupas de emergência

  • Dinheiro, cartões, objetos importantes (eletrônicos, pessoais)

  • Carregadores e adaptadores

  • Agenda com números e e-mails de pessoas da AIESEC do Brasil e do país de destino.

Viagem de carro

No país

Atividades

  • Saiba o que vai acontecer na sua oportunidade e como serão divididas tuas Working Hours (Ex: terá tempo de preparação, todos os dias na organização, etc);

  • Alinhar expectativas, objetivos e responsabilidades com os responsáveis pela organização;

 

  • Esteja ciente se na Job Description você precisa passar por mudanças, quais, se existem escolhas, etc;

 

  • Verificar se você precisa fazer algum Relatório/Report + Documentação do projeto.

  • Tenha conhecimento dos benefícios da sua oportunidade (Ex: Cobre alimentação?).

Segurança

Por prevenção, recomendamos você: 
 

  • Procurar endereço/contato da embaixada do Brasil no país;

  • Ter contatos de emergência do país;

  • Contatos gerais salvos no celular e anotados: nossos email/número e também do pessoal da AIESEC no destino

  • O que as pessoas falam sobre cultura: pergunte aos locais e fuja dos estereótipos;

  • Existe horário de recolhimento: oficial, do host, etc

  • Código de vestimentas, condutas, costumes;

Esteja atento por onde você anda e tenha um carregador portátil para emergências.

Finanças

  • Sempre recomendamos levar algum dinheiro vivo, especialmente dólares, ou até euros, por prevenção (se for fácil, leve algo na moeda do país);

 

  • Se você levar seu cartão de crédito, confira se ele vale internacionalmente (confira com seu banco);

 

  • Lembre que para sacar é cobrada uma taxa e ela varia de cada banco;

 

  • Procure sobre custos no país (outros intercambistas, tripadvisor, numbeo, etc);

  • Caso precise fazer uma conta bancária no país de destino,  recomenda-se fazer assim que chegar ao país e conferir com a empresa em relação a acessibilidade dos depósitos. O responsável por sua experiência da AIESEC de destino pode te ajudar com isso.

Saúde

  • Se precisar de remédios específicos, leve sua receita. Recomendamos levar por prevenção remédios para dor, febre, inflamação, enjoo, etc;

 

  • Tenha certeza de comprar remédios nas caixas originais, seja aqui, seja no país de destino;

 

  • Evite beber e comer em lugares que você não tem certeza sobre a higiene. Antes de tomar água da torneira, pergunta se pode e é recomendado;

  • Tenha uma cópia da apólice de seguro e o telefone do plano consigo (pode ser digitalizado no celular por exemplo) para caso necessite de acesso rápido;

  • Anotar possíveis alergias em um lugar visível (e ter essa palavra no idioma local e inglês escrito);

  • Compre e leve os remédios que você costumar consumir, o seu organismo pode não adaptar-se as substâncias de outros no país de destino.

Casas de vilarejo

Acomodação

Consulte/confirmar informações se sua vaga cobre acomodação (pode ser uma host family, hostels, flat, dormitório, etc).
 

Caso seja com um host:

  • O quarto pode ser compartilhado, a acomodação pode ser longe do trabalho;

  • Seu host será um voluntário. O intuito de ser com um host é que ambos tenham uma experiência de trocas culturais, que enriquecem muito.

  • Garantimos acesso a: um colchão e as áreas comuns;

  • Você pode ou não ter direito a alguma alimentação.

  • Ao chegar, saiba de todas as regras da casa e de seu anfitrião, incluindo os horários de chegada ou saída.

  • Saiba quais serão as condições da sua acomodação.

  • Esteja com a mente aberta e seja respeitoso com os lugares que você pode viver. Você precisa ter condições básicas na sua acomodação, de acordo com os padrões do país, e não necessariamente será um hotel 5 estrelas;

  • Deixe-se viver essa experiência de acordo com a realidade cultural do país;

Passeio pelo cais

Pesquisas Gerais

  • Locais turísticos para visitar;

 

  • Estereótipos e realidades (vá com sua mente aberta);

 

  • Regras, comportamentos e costumes (questões como bebidas alcoólicas, fumar, gestos, vestimentas, etc);

 

  • Fatos importantes e históricos sobre o país;

 

  • Clima durante o intercâmbio (para saber que roupas levar);

 

  • Aplicativos para viajantes (moovit, airbnb, booking, tripadvisor, numbeo, google maps, Uber…).